Homem é condenado após ficar 8 anos foragido

O crime aconteceu em 08 de dezembro de 2012 em um bar na Estrada do Jacarandá, Valdemar Alves Folha, Conhecido localmente como Vadu, ficou foragido da Justiça até junho de 2020, quando foi preso e dando andamento normal ao processo.

O júri reconheceu que Valdemar (VADU) foi o autor das mortes de um homem e uma mulher, sem motivo aparente e sem chances de defesa. A pena de 28 anos deverá ser cumprida em regime inicial fechado. Como o crime é hediondo resultando em morte das vitimas, somente são permitidos quaisquer benefícios depois de cumprido pelo menos 50% da pena.

Valdemar, o Vadu, ainda responde por mais dois inquéritos policiais, instaurados pela Delegacia de Curimatá, no Estado do Piauí, Ele é investigado porque no tempo que permaneceu foragido, teria tentado matar a companheira, um cunhado e cunhada, tudo na cidade de Morro Cabeça do Tempo, também no Piauí.

Na ocasião, a Polícia Militar foi acionada e ele ainda efetuou um disparo, atingindo um policial.

Fonte: portalcarapicuiba.com.br

Foto: Reprodução Internet